terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Apostila Para Obreiros


 Introdução
Parar que o trabalho do homem de Deus seja profícuo, ele tem que juntar o seu pranto no altar pelas almas com os meios de comunicação disponíveis. Isso fará seu trabalho se desenvolver mais rapidamente e, o que é mais importante, com qualidade. Se confiar apenas no seu trabalho de comunicação para que sua igreja se desenvolva, seu fracasso será inevitável, tendo em vista que o espírito de acomodação se apossará dele. Considerando que o homem de Deus tem realmente  a  sua vida no altar, ou seja, corpo, alma e espírito, verifiquemos os seus Sete Mandamentos:

1º Mandamento: Ter com o povo exatamente a mesma consideração que tem para com Deus, pois está escrito: ”Se alguém disser amar a Deus e odiar o seu irmão, é mentiroso; pois aquele que não ama a seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê” (I João 4:20).

2º Mandamento: Chorar na luta pelo povo que Deus lhe tem enviado. Cada homem de Deus representa o Senhor Jesus, e cada pessoa que chega à Igreja, é enviada pelo Espírito Santo, afim de que seu servo lhe mostre o caminho da salvação. Uma vez salva, ele irá glorificar o Senhor Jesus. Foi por isso que Ele disse: “Ninguém pode vir a mim se o Pai que me enviou não o trouxer...” (Joel 2.17).

3º Mandamento: Jamais fazer a obra de Deus relaxadamente. O profeta Jeremias disse: “Maldito aquele que fizer a obra do Senhor relaxadamente...”  (Jeremias 48.10). Fazer a obra de Deus relaxadamente é como enfrentar o pior inimigo com uma arma qualquer.

4º Mandamento: Ter fome e sede de ganhar almas. Enquanto isso não acontece, o homem de Deus se sente tal qual Sara, Raquel e Ana. Elas sentiam amargura de alma, vergonha e humilhação. Esses sentimentos estão sempre importunando o homem de Deus estéril. Por isso, ele não se envergonha de chorar diante de Deus, pedindo almas.

5º Mandamento: Ter alegria e o gozo ao ver, diante dos seus olhos, as pessoas nascerem de novo. Não há satisfação maior para aquele que tem a vida no altar do que ver pessoas que outrora pertenciam ao reino das trevas, hoje terem a plenitude do Espírito Santo, com semblantes limpos, alegres e felizes, glorificando o nome do Senhor Jesus Cristo.

6º Mandamento: Não ter ciúme e nem inveja do desenvolvimento do seu colega de ministério. Pelo contrário, se regozijar com o seu crescimento, e orar para que ele dê ainda mais frutos. Como aquela mulher da parábola da dracma perdida, conforme ensinou o Senhor: “Ou qual é a mulher que, tendo dez dracmas, se perder  uma, não acende a candeia, varre a casa e a procura diligentemente até encontrá-la? E, tendo-a achado, reúne asa amigas e vizinhas, dizendo: alegrai-vos comigo, porque achei a dracma que eu tinha perdido” (Lucas 15.8-9)
, (Números 11:29).

7º Mandamento: Não se preocupar em apenas ganhar as pessoas para o Senhor Jesus mas, sobretudo, fazê-las discípulas. Esta, aliás, é a característica mais acentuada do homem de Deus consagrado. Ele se preocupa em fazer discípulos mais do que qualquer outra coisa, pois sabe que o desenvolvimento do Reino de Deus neste mundo depende de homens que tenham o mesmo caráter do Senhor Jesus.




 
Ganhando Almas Para Cristo

Versículo Chave: ”... e o que ganha almas, sábio é.” (Provérbios 11:30b)

Grande regozijo para o crente é ganhar almas para Cristo. Imagine! Você e eu podemos servir de instrumentos na salvação de outros.

1.       Quem pode ter esse privilégio de levar almas à Cristo? Qualquer crente! Não é um serviço reservado para um grupo seleto. Ser testemunha é o dever de todo o crente, e cada um pode ganhar almas. O Senhor Jesus disse:
“Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.” (Mateus 4:19)
2.       Porque é importante aprender a ganhar almas para Cristo? Por causa do valor de uma alma humana.
3.       Porque a alma humana tem tanto valor? Porque viverá para sempre. Cada pessoa que encontramos tem uma alma que viverá eternamente – ou no gozo das bênçãos do céu ou enfrentando o inferno. A Bíblia diz:
4.       “Quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, porém, desobedecer ao Filho não  verá a vida, mas sobre ele permanece a vida de Deus.” (João 3:36).

 “Deus dá tanto valor a alma humana que enviou Seu Filho para morrer na cruz, a fim de que todos os homens sejam salvos. Quando compreendermos qual preciosa a alma humana é para Deus, faremos tudo para ganhá-las para Cristo. Vamos então aprender como conduzir almas para Cristo.

5.       Temos que usar a Palavra de Deus
Da mesma maneira que o médico não dá a mesma receita para cada doente, também nos não podemos usar o mesmo versículo para cada pessoa.
6.       Precisamos do Poder de Deus
Porque na nossa força e boa vontade não vamos conseguir. Precisamos do poder do alto, do Poder do Espírito Santo.

“Quando o Senhor Jesus mandou que os Seus discípulos pregassem o evangelho a toda a criatura, Ele também lhes prometeu o Espírito Santo.” Ele disse:

7.       “Ma recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samária, e até os confins da terra.” (Actos 1:8).

Hoje, cada crente tem o Poder do Espírito Santo.

8.       O Espírito Santo é quem convence as pessoas do pecado, fazendo-as sentir a necessidade de ser salvas, e revelando-lhes a Pessoa de Cristo, o Salvador. Peça que Deus o encha com o Espírito Santo para ter maior êxito em ganhar almas.

Temos que pregar o Evangelho.






 Introdução
Evidente ser “Cristão Não Praticante” é algo que não existe. Da mesma forma que não existe um casado praticante, também não pode existir um cristão que não siga de acordo com o que Cristo ensinou.

ALGUNS APRESENTAM BARREIAS À SALVAÇÃO

Ø “Não sou pecador”

Resposta: A Bíblia diz que somos todos pecadores.

“Não há um justo, nem um sequer” (Romanos 3:10)

Ø  “Sou católico, baptista,...”

Resposta: Filiação a uma igreja não salva ninguém. Precisa nascer de novo. Jesus disse:

“Se alguém não nascer de novo não pode ver o reino de Deus” (João 3:3)

Ø   “Há hipócritas na Igreja”

Resposta: Tem razão, mas não haverá hipócritas no Céu. Somos responsáveis por nós mesmos. A Bíblia diz:

“Assim, pois, cada um de nós dará contas de si mesmo a Deus.” (Romanos 14:12)

Ø  “Estou à espera de deixar os meus vícios.”

Resposta: Você não pode reformar a sua vida pela própria força. A verdadeira mudança é a que opera de dentro para fora e não o contrário. Jesus recebe-nos como estamos.

“O que vem a Mim, de modo nenhum o lançarei fora.” (João 6:37)

Ø  “Sou mau demais para Deus gostar de mim.”

Resposta: Jesus veio salvar os pecadores. TODOS os pecadores. Foi por pessoas más que Ele deu a sua vida. O Apóstolo Paulo disse:

“Fiel é a Palavra e digna de toda a aceitação, que Cristo veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal.” (I Timóteo 1:15)

Ø  “Estou constantemente a fazer boas obras.”

Resposta: Ninguém é salvo pelas boas obras que possa fazer, mas unicamente pela fé em Jesus Cristo.

“Porque pela graça somos salvos, mediante a fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus, não vem das obras para que ninguém se glorie.” (Efésios 2:8-9)


Esperando que tenhas gostado,
 Pastor Cazuza

----------------------------------------------------
Faça o Download da Apostila para Imprimir:
>>Clique Para Download<<
-----------------------------------------------------

Um comentário: